Causas, sintomas e tratamento de labirintite. Informação sobre os diversos tipos de labirintite, como labirintite aguda, crônica e esclerosante


E se eu tiver labirintite?

Labirintite (inflamação do labirinto do ouvido interno) ocorre quando o nervo que vai para o ouvido interno é infectado por um vírus ou bactéria. O médico muitas vezes pode determinar a causa da sua infecção e otimizar o melhor tratamento médico, se ele for diagnosticado cedo. Danos no nervo do ouvido interno afeta seu equilíbrio e audição. Quando o nervo está danificado, você pode ter tontura, vertigem (sensação de girar), falta de equilíbrio e alterações na audição.
Os sintomas de dano no ouvido interno podem variar de leve a grave. No início (primeiros 1 a 3 dias), as pessoas normalmente  sentem que estão girando, têm dificuldade em concentrar-se, sentem zumbido no ouvido ou perda auditiva, e também podem queixar-se de náuseas e vômitos. Com o tempo, a vertigem pode transformar-se em tontura (principalmente durante os movimentos da cabeça rápidos) e alterações no equilíbrio.
Os sintomas também podem começar com tonturas e diminuição do equilíbrio.

O que posso fazer com a minha labirintite?
A recuperação é gradual ao longo de várias semanas, e a fisioterapia pode ajudar a melhorar de modo mais rápido. Ao usar as informações de seus ouvidos internos para manter o equilíbrio, seu cérebro precisa de ambos os ouvidos para que esta função funcione devidamente. Se um dos ouvidos não estiver a funcionar bem devido a uma infecção ou lesão do nervo, seu cérebro terá de aprender a interpretar a informação. Seu fisioterapeuta pode necessitar de recorrer a exercícios para ajudar a ajustar as alterações em seu ouvido interno. Os exercícios são muito eficazes e é normal ter tonturas enquanto você está fazendo seus exercícios. Seu fisioterapeuta irá criar um programa de equilíbrio e exercícios especiais especificamente para você.

ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL